Ex-polegar é preso com armas pela Polícia Federal

Segunda-Feira, 21/07/2014, 20:10:53 - Atualizado em 21/07/2014, 20:20:18 

Ex-polegar é preso com armas pela Polícia Federal (Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)
O cantor e ex-integrante do grupo Polegar Rafael Ilha foi detido pela Polícia Federal na tarde desta segunda-feira (21) ao tentar cruzar a fronteira brasileira com uma espingarda. O episódio ocorreu na ponte da Amizade, em Foz do Iguaçu (PR), na divisa do Brasil com o Paraguai, por volta das 15h.
De acordo com a Polícia Federal, Rafael e a mulher atravessavam a ponte em dois mototáxis. Ele passou primeiro e foi abordado por agentes da Receita. Ao vê-lo, a mulher, que vinha atrás, tentou sair da fila e voltar ao Paraguai. 
(Foto: Divulgação/Polícia Federal)
A mulher, que não teve o nome divulgado, foi detida por agentes da Receita, que encontraram na moto uma espingarda calibre 12, embrulhada num cobertor, além de munição.
Rafael Ilha, de acordo com os agentes, assumiu a responsabilidade pela arma. Os dois foram encaminhados à delegacia, onde estavam sendo ouvidos até o início desta noite. Caso a espingarda não tenha registro, o casal pode ser indiciado sob suspeita de tráfico internacional de armas.
A Polícia Federal não soube informar se o ex-polegar tem advogado. 
Famoso pelo sucesso do grupo Polegar, na década de 1980, Rafael Ilha, 41, tem histórico de dependência química e foi internado várias vezes. Já foi preso por tentativa de roubo e porte de drogas.
(Folhapress)]Titulo RP