“Caititu fora de bando vira comida de onça”, diz Jader sobre saída dos Barbalhos do governo Dilma
Coluna Painel, da Folha de S. Paulo, hoje:
O esperado adeus dos ministros peemedebistas Helder Barbalho e Eduardo Braga será um revés para as pretensões do governo de se salvar do impeachment no Senado.
Pai de Helder, o senador Jader Barbalho, até aqui uma das últimas estacas de Dilma Rousseff no partido, assim explicou o recente desembarque a um interlocutor: “caititu fora de bando vira comida de onça”.
Muito próximo de chegar ao poder, o PMDB subverte a aritmética. Mostra que, na divisão, ele soma.
Neste link, leia sobre a saída do amazonense Eduardo Braga do pasta de Minas e Energia.

Leia também – Deputado federal Chapadinha perde o Incra por votar a favor do impeachment.