Massagista do Flamengo morre por Covid-19 enquanto clube quer volta aos treinos
 terça-feira, 05/05/2020, 09:56 - Atualizado em 05/05/2020, 10:00 -  Autor: Com informações do UOL
A comissão técnica do Flamengo sofreu um duro golpe fora de campo: morreu na última segunda-feira (4), o massagista Jorge Luiz Domingos, conhecido como Jorginho, que tem mais de 40 anos de serviços prestados ao clube.
O profissional estava internado há duas semanas devido contrair o novo coronavírus e acabou sofrendo uma parada respiratória, em um hospital na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro.
Por meio de uma postagem, o Fla lamentou a perda de seu funcionário que cuidou de jogadores como Zico, Adílio, Junior, Sávio, Romário e outros.