Imagem: Octans Aircraft

 

Após a conclusão das fases de avaliações operacionais iniciais, o primeiro protótipo do Cygnus, aeronave desenvolvida e fabricada no Brasil pela Octans Aircraft, inicia a terceira fase de ensaios em voo esta semana, desta vez, voando por todo o Brasil.

A empresa já recebeu a autorização da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) para os voos de longo alcance, uma vez que concluiu com sucesso as outras duas fases de ensaios: fase 1, que são os primeiros voos de testes após a finalização de sua fabricação, e fase 2, avaliação da aeronave em perímetro regional, com rotas curtas e próximas à base.

As rotas e os destinos em que o Cygnus cumprirá sua nova programação de ensaios deverão ser divulgados dentro de algumas semanas. Os ensaios em voo começaram em janeiro deste ano na matriz da empresa, localizada no Aeroporto de São João da Boa Vista, interior de São Paulo.

“Estamos muito contentes com a performance da aeronave e com os resultados obtidos nos ensaios. Agora, avançamos rumo à certificação”, disse o CEO, Milton Roberto Pereira. O processo de certificação da aeronave deve começar já no primeiro semestre do ano que vem, assim como o início da produção seriada, com entregas previstas para o segundo semestre de 2021.

A aeronave foi desenvolvida para cumprir os requisitos de certificação ANAC/FAA Part23 e a campanha de demonstração de cumprimento dos requisitos começa em 2021, em linha com o Programa iBR2020 (Programa de Fomento à Certificação de Aeronaves de Pequeno Porte) da ANAC.

O Cygnus possui estrutura metálica, asa alta cantilever, trem de pouso triciclo fixo, VRF noturno e IFR, painel digital Garmin touch screen, ar condicionado, cintos com airbags e interior de alto padrão. A nova aeronave vai sair de fábrica equipada com motor Lycoming IO-540 de 300 hp e hélice Hartzell tripá metálica.

Interior

Em termos de conforto interno, o Cygnus foi desenvolvido para oferecer uma experiência única ao usuário. O interior foi desenhado pelo Studio Marcelo Teixeira – Arch & Transportation Design, e será fabricado pela F/LIST Brasil, empresa com sede na Áustria.

Entre os diferenciais, versões exclusivas com acabamento em madeira e carbono, amplo espaço para cinco ocupantes, assentos em couro com ajustes de altura e encosto reclinável, apoios de braço escamoteáveis, cintos com airbag, entradas USB para todos os ocupantes e pontos de energia 12V para laptops e smartphones.

No quesito aviônicos, o Cygnus vem com visores de voo avançados com GPS VRF WASS integrado, display de voo principal (PFD) e multifuncional (MFD), além de display opcional e sistema de indicação de motor (EIS) altamente configurável, interface touch screen e telas em tamanho 10,6 polegadas.

Cygnus – Performance

Velocidade de Cruzeiro: 160 ktas (296 km/h)

Velocidade de Estol: 60 ktas (111 km/h)

Autonomia: 06h00

Alcance: 1.780 km

Decolagem: 450 m

Cygnus – Dimensões

Comprimento: 9,40 m

Altura: 3,10 m

Envergadura: 12,20 m

Saiba mais sobre a Octans Aircraft

Fundada em 2002, sob o nome de INPAER, a empresa já produziu e entregou 240 aeronaves experimentais.

Em 2013, após a entrada de novos sócios, passou por um processo de transformação com o objetivo de migrar para o mercado de aeronaves certificadas, com foco nos mercados brasileiro e internacional, tornando-se Octans Aircraft.

De lá para cá,  foram investidos mais de R$ 90 milhões (em valores históricos).