Itaituba -  Devido a propagação de um vídeo através das redes sociais  em que aparece um forte aparato militar do Exército com muitos homens e uma considerável estrutura  em transporte culminando com dois blindados sendo um Cascavel e outro Urutu e a imaginação fértil das pessoas insinuarem que seria parte da estrutura a ser utilizada na operação de desocupação de áreas de garimpagens ilegais nas Terras Munduruku e Sai Cinza, o Blog recebeu comunicação que é totalmente inverídica a informação, tratando-se, a bem da verdade, de uma estrutura que entrou em operação em tempo pretérito em outra região.

Foi reafirmado que a Coordenação da operação é de competência do Ministério do Meio Ambiente e a participação de recursos humanos, materiais e equipamentos do Exército Brasileiro ao entrar na operação agirá como força que garanta o efetivo trabalho da operação. 

A operação não tem dia aprazado para acontecer e estabelece através de Portaria Ministerial o prazo de 90 (Noventa) dias para ser realizada.

Sobre o aparato em transporte que chegou em Itaituba da Policia Federal e Força Nacional,  não se trata especificamente para entrar em operação no interior das Terras dos Munduruku e sim efetuarem serviços paralelos de suas responsabilidades nas cidades de Itaituba e Jacareacanga, e aglomerados humanos adjacentes.