Jornalista da Espanha cita Lula e Dilma e denuncia que "o tráfico de drogas patrocina a esquerda"     (veja o vídeo abaixo da reportagem)

O site O Dia, do Portal IG, noticiou uma grave denúncia da jornalista espanhola Cristina Segui que expos uma ligação entre os governos de Lula e Dilma Rousseff com o narcotráfico e o envio de dinheiro à esquerda espanhola. Cristina explicou a forma como a esquerda espanhola recebia dinheiro de diversas fontes, sem que esses recursos fossem investigados.
Cristina Segui - Foto: Reprodução

O site O Dia, do Portal IG, noticiou uma grave denúncia da jornalista espanhola Cristina Segui que expos uma ligação entre os governos de Lula e Dilma Rousseff com o narcotráfico e o envio de dinheiro à esquerda espanhola.

Cristina explicou a forma como a esquerda espanhola recebia dinheiro de diversas fontes, sem que esses valores fossem investigados:

“Iglesias sempre se gabou de que nenhum juiz jamais investigou o Podemos por seus laços econômicos com o chavismo.
Naturalmente, isso aconteceu porque todo o fluxo de financiamento foi canalizado para a Fundação Centro de Estudos Políticos e Sociais (CEPS), em Valência, Espanha”.

 Ao ser questionada pelo entrevistador Ricardo Galuppo sobre as outras formas através das quais o dinheiro era movimentado, Cristina expôs a participação dos governos brasileiros do PT:

“Esse é o único canal de acesso da esquerda espanhola ao dinheiro dos governos de esquerda da América Latina?”, perguntou Galuppo, ao que Cristina explicou:
“Havia também a Neurona Consulting, empresa de consultoria vinculada à esquerda latino-americana e a Juan Carlos Monedero, outro integrante destacado do Podemos.
Mas o CPEPS foi o principal mecanismo de transmissão e recebimento de dinheiro que arrecadaram as ditaduras.
Ele foi beneficiário dos fundos arrecadados com o suposto trabalho de pesquisa e assessoria aos regimes políticos da esquerda ibero-americana, como os de Dilma Rousseff e Luís Inácio Lula da Silva, no Brasil.”, apontou ela.

Assista à entrevista e entenda a relação:

veja o video Clic aqui!

https://youtu.be/FSsSm-9nWEg