Blindada leva surra de ripa por praticar mal feito na família (Foto: Reprodução)

Manaus (AM) – Uma jovem foi filmada levando uma surra de ripa por supostos “membros da família”. Nas imagens não é possível identificar a cidade em que a agressão aconteceu, mas pela mensagem dita antes da surra começar, parece se tratar de um município no Amazonas, onde a prática tem sido muito utilizada por facções criminosas para punir membros por algum ‘mal feito’.

Na imagens, a jovem não identificada diz: “Eu estou sendo disciplinada porque eu fiz uma mau conduta na família e isso não vai voltar mais a acontecer”, diz a jovem que em seguida é mandada virar de costas por uma voz masculina.

Em seguida, a moça se ajoelha e coloca as mãos para frente e recebe as primeiras ripada nas costas. Com a força das pancadas ela é empurrada para a frente e estica os braços para não cair de cara no chão. Enquanto isso, ela vai recebendo várias pancadas nas costas e nas nádegas.

Em um dos momentos da surra a jovem pede para parar, mas uma voz feminina manda ela baixar os braços e a sessão de tortura continua.

Até o final do vídeo, a jovem recebeu 29 pancadas de duas pessoas que seguravam duas ripas de madeira. Uma estava do lado direito e a outra pessoa estava do lado esquerdo.

Tribunal do crime.

O mais recente caso ‘julgado’ pelo ‘tribunal do crime’ em Manaus foi no início de janeiro deste ano, um casal suspeito de roubo no Viver Melhor foi punido por membros de facção criminosa que comanda o tráfico no local

Na gravação, um de cada suspeito aparece colocando uma mão sobre a outra para que cada um leve um tiro nos membros. Ainda no mesmo vídeo é possível ouvir que um deles cita o motivo pelo qual o casal está sendo punido. “Quer roubar no Viver Melhor, vai se f**** meu irmão”.

Em novembro de 2021, o ‘tribunal do crime’ puniu o casal que assaltou e esfaqueou um motorista de transporte por aplicativo, no bairro Armando Mendes, Zona Leste de Manaus.

Um mês antes, uma dupla de assaltante também foi punida com palmatória por terem realizado assaltos na Vila Marinho. Eles ainda foram ‘condenados’ a devolver os objetos roubados.
Veja o vídeo