JACAREACANGA (06.01.2022) - Veículado em  Grupo Social do WhatsApp, denominado  GRUPO ARIKICO MDK e no cotidiano dos assuntos tratados pelos membros do respectivo grupo de professores indigenas, conforme nos chegam informações, chegando tambem ao RP a informação do declarado  descontentamento dos professores indigenas  com a atuação  da gestão do Professor  Danilo, atual Secretario de Educação do municipio. 

O prefeito tem que gerenciar urgentemente esse assunto, cujo fora pedido por uma manifestação em frente ao prédio da Secretaria de Educação em meados de dezembro/2021 e reiterado continuamente atraves da comunicação virtual muito provavelmente com origem no interior das Aldeias Indígenas. Além  da exoneração do Secretário é tambem solicitada a substituição da cúpula da Secretaria.

Justificam os indigenas que a maneira com que os professores indigenas  foram tratados pela gestão da Secretaria no exercicio passado, os obrigam a solicitar a saída de todos, existindo outros fatores que creditam a responsabilidade à Gestão, como:

  • Os professores se sentem lesados pois em um ano de pandemia foram contratados diversos professores  para funcionarem como professores-auxiliares sem necessidade,  ja que não ocorreram aulas presenciais na intensidade da pandemia; diluindo com esse artíficio o abono salarial que teriam direito
  • Alegam que um direito adquirido de lei, foram-lhes subtraidos  que é a regência de classe, defendida  pelo PCCR
  • Outra coisa, sobre a interiorização dizem que ocorreu uma industria de favorecimentos, inclusive o irmão do Secretário e amigos próximos recebiam proventos concernentes à interiorização  em localidades circunvizinhas à cidade,  e para exercitar esse favorecimento outros que teriam direito ao beneficio foram-lhes abuptamente retirados os pagamentos devidos
  • Ausencia total  do Secretário Danilo em visitar as escolas, percorrerendo os aldeamentos para verificar in-loco as necessidades existenciais no campo da educação escolar.