"HELLO KITTY"

Wanderson Costa, o Hello Kitty, estaria envolvido na morte de um policial militar em Parauapebas, no Sudeste do Pará. Ele recebeu a polícia a tiros e acabou morto, segundo agente da Ronda Ostensiva Tática (Rotam),

 sábado, 05/02/2022, 14:52 - Atualizado em 05/02/2022, 14:52 -  Autor: Com informações do Correio de Carajás

Wanderson Costa morreu durante troca de tiros | Reprodução

Após denúncia recebida na noite da última sexta-feira (5) sobre a localização do suspeito, militares foram até o local e bateram à porta do apartamento. A ocorrência foi registrada no residencial Alto Bonito, no bloco 48.

Os agentes de segurança foram recebidos à bala. Um dos estilhaços chegou a atingir o rosto de um dos policiais. Um tiroteio foi iniciado e “Hello Kitty” foi atingido duas vezes, uma no peito e outra na axila.

Vídeo: Veja o velório do PM assassinado em Parauapebas 

O suspeito e o policial militar atingidos foram encaminhados até o Hospital Geral de Parauapebas, onde receberam atendimento; Hello Kitty, por outro lado, não resistiu aos ferimentos mesmo após atendimento.