Dezenas de faixas iguais a essa estão estendidas por cada espaço da Gleba, me informou um diretor da AGRODITO
 

GLEBA SÃO BENEDITO/JACAREACANGA, (15.03.2022) - Indignados! Esse é o estado de espirito que está incorporado em pais, alunos, servidores da Escola Municipal da Gleba São Benedito localizada  no interior do município que durante sua existência foi mantida a funcionalidade da Escola por efeito  da relação intermunicipal entre Paranaíta/MT-Jacareacanga/Pa. devido  os royalties existentes provindo da fixação em raio de ação da Usina Hidrelétrica no município de Jacareacanga.

Como o cooperativismo e associativismo são princípios que norteiam a organização social e de trabalho do povo do centro-oeste a aí inclui-se o nortão do MT,  e sul do Brasil, essa organização leva em conta em todos os locais que tomam assento para viverem, espaços adequados para a família, como hospitais, escolas etc.

Em referida organização para gerenciar física e juridicamente as inúmeras famílias assentadas na Gleba São Benedito parte integrante da expansão territorial de Jacareacanga, ocorreu a necessidade  da criação da  Associação dos Produtores da Gleba de São BeneditoAGRODITO que representa coletivamente todos os moradores do aglomerado humano São Benedito, e que foram estreitado laços de entendimento com o Poder Público do Municipio com a intenção de receberem na qualidade de cidadãos, os beneficios  das politicas de desenvolvimento aplicadas pela Prefeitura por serem de  fato e de direito estendidas à quele distante povo que se fixa nos limites com o MT. Promessas foram celebradas pela gestão anterior e como não foram cumpridas em sua integralidade conforme acordado, resolveram estreitar entendimentos com o candidato a prefeito VALDO DO POSTO, e que mereceu apoio da maioria absoluta dos eleitores da Gleba contribuindo para a eleição do mesmo.


Decorrido a posse de VALDO as coisas começaram a acontecer muito pior do que estavam, e longe de se evidenciar as agruras que São Benedito passou com reduzida quantidade de merenda escolar, falta de recuperação predial na escola, escasso apoio no transporte escolar, falha no pagamento de professor e pessoal de apoio... para tornar mais difícil a situação a realidade agrava-se devido a indicação do Professor Mauricio Machado para a pasta da Educação de Jacareacanga, que recebendo contato e reclames da direção da AGRODITO usa de mentiras e subterfúgios para empurrar a coisa com a barriga, e por ultimo mediante cobranças mais intensas sequer o Secretário atende os seguidos telefonemas, que cobram, inicio das aulas, merenda escolar, reparo nas instalações prediais, transporte dos alunos que muitos acordam 4 horas da manha para começarem a estudar as 7 horas, e não tendo merenda escolar  o alunado ressente-se na falta do precioso alimento para suportar o longo tempo com fome. Vejam a nítida falta de compromisso do Secretário e sua equipe: Até fichas para matriculas entre materiais de expedientes nunca foram encaminhados para a escola. Brincadeira!!! 

Pululam nas redes sociais desabafos, desaforos, esculhambação  pra cima do Prefeito que não cumpre suas promessas e para piorar a situação colocou um descompromissado como Secretário de Educação denunciam os moradiores da Gleba. Uma pessoa que recheou  indignado  com desabafos as redes sociais, vocifera: - Eu quero ver  esse tal de Mauricio aqui... e com o prefeito, queremos ver o que eles tem a dizer!

Reproduzimos aqui abaixo,  alguns desabafos  do pessoal da Gleba São Benedito cuja suas indignações são provocadas pelo abandono que estão imersos dado todo o descaso que  tanto o Secretário Mauricio Machado e o Prefeito Valdo do Posto estão dispensando  àquele povo de tão distante, negando-lhes criminosamente um direito basilar que é a responsabilidade do estado (neste caso) o municipio pela Educação fundamental.

-“Eu não vou dizer nem incompetentes é descaso mesmo com a Gleba. Toda a administração de Jacareacanga... essa eu achei que ia ser diferente, que o Valdo veio... toda a administração de Jacareacanga veio aqui por força do Ministério Público...aqui não tem nada pronto, não tem nem merenda para as crianças, isso não é incompetência não... vai vir merenda la de Itaituba? Eu sei o que é que vem de Itaituba. Eles centralizam tudo em Itaituba, porque eles centralizam em Itaituba? Eu sei, é ESQUEMA! Eu sei! Não é incompetência não é descaso com a Gleba São Benedito. Nós temos que tomar providencia, eles vão vir dia 15  e eu convoco e convido toda a população da Gleba São Benedito para participar dessa reunião para ver o que esse caboco (Mauricio) tem a dizer pra nós!  Então eu convido toda a população da Gleba São Benedito, proprietários, pais de alunos... vamos lá minha gente, vamos mostrar pra esse povo que aqui não é baderna não! Vamos pra cima não vamos deixar desta vez esse povo tratar a gente como cachorro não!

Então eu acho que não pesa pra ninguém, tem que deixar os alunos fora de aula por falta de merenda e botar o Ministerio Público em cima deles” - Sic

Devido não querer tornar cansativa ao leitor  uma matéria muito extensa, recomendo que entrem nas redes sociais do município e contemplem a avalanche de  indignação  retratada nas redes sociais, que assola o povo da Gleba São Benedito.

São tantos os desabafos, descontentamentos, que um dos mais ousados transcrevemos neste instante e que foi reproduzido de redes sociais:

É porque o pessoal desse Jacaré é parado demais mano, era pra ter tirado esse prefeito aqui de dentro no tapa daquela prefeitura, vsf moço!”

Retornando ao plano doméstico, cá em Jacareacanga, temos  que contribuir de forma a arrefecer os ânimos tão acirrados do pessoal da Gleba São Benedito e ninguém pode dizer que eles não tem razão, já que são munícipes de Jacareacanga e estão reivindicando direitos. A Prefeitura  só está acostumada a pegar pressão dos índios e o combustível para retornarem aos aldeamentos um apoio para refeições resolve em parte os problemas indígenas, já que levam também gordas promessas que não se realiza e acumula descontentamento nos núcleos indígenas, porém o empurra com a barriga vai levando a crise para  mais promessas e melhores dias, um dia o caldo entorna. Só que com o pessoal organizado, da Gleba,  acostumado a ter seus direitos adquiridos garantidos e brigarem por esses  direitos, que lhes asseguram a plenitude do Estado Democratico de Direito, um pouco diferentes do pessoal daqui da região, não vão se deixar levar por lenga-lengas e falsas promessas, como diz uma declaração transcrita... vamos pra cima deles!

Devido o estado de letargia que acomete o Prefeito que ainda nestes tempos modernos é teleguiado tal qual a bomba Russa que cai sobre a Ucrânia, e o Secretário de Educação  Maurício Machado, que assemelha-se a promesseiros, tal qual beatos em perigrinação à juazeiro, recomenda-se à dupla,  diante do generalizado descontentamento do pessoal de lá com o pessoal de cá, que façam o obsequio seus assessores de não permitirem que o Prefeito nem o Maurício  viagem até lá, pois serão constrangidos, e desmoralizados de público com certeza. Recomenda-se que não façam promessas, quem for  representar o Prefeito e o Secretário de Educação,  (sei que a dupla não se encorajará de ir, pois sei que  quem tem sul tem medo);  porém  que esses representantes saibam sair do discurso evasivo pra boi dormir,  à ação, afinal o alunado e o povo por lá na verdade e de verdade  estão sendo tratados com descaso, se bem que soma-se a isso a incompetência de gerir providências. Faço lembrar que para serem representados a pessoa tem que ter outro tipo de recurso e discurso e uma presença cênica diferente, pois nesses casos sempre quem apaga incêndios é um ditoso advogado que com essa administração Valdo defendendo as verdades do Prefeito caminha para a fricção e natural desgaste, isso propalado por sua assessoria que fica em Jacareacanga. Talvez por isso o nobre causídico mostre-se um pouco distanciado do olho do furacão.

Sempre soube-se que tanto o prefeito quando seu vice, não suportam o Secretario Mauricio pelo seu faz de conta e por cooptar indígenas com promessas para apoiá-lo como Secretário e isso ocorreu em suas injustificadas andanças pelas Terras Indígenas Sai Cinza e Munduruku, já que a todo custo queria ser o Secretário, e com habilidade acercou-se de algumas pessoas sérias e dedicadas à educação na cidade e convenceu-as a apoiá-lo com promessa de vínculos de trabalho e com falsas promessas angariou apoio e tudo aconteceu como planejou, conspirando contra  a administração de seu antecessor até conseguir seu intento, e como um de seus trunfos enquanto titular da pasta é a construção de curral eleitoral pra satisfazer intento politico para sua satisfação e de um ícone de seu interesse, resolveu desprezar seus aliados e as pessoas que acreditaram em sua proposta de trabalho e na promessa de vinculo na Vaca Leiteira. Tudo ruiu para esses esperançosos, que viram com indignação  uma nova faceta do Secretário em desprezá-los e contratar  pessoas  que devem gerenciar  ou engrossar o curral eleitoral que está compondo, colocando  na Secretaria  gente demasiada para a funcionalidade  da pasta. O proprio Sintepp que conhece no organogranma funcional a necessidade  de lotação para preenchimento de vagas, surpreendeu-se com tantas lotações na Secretaria que não se justificavam.

Por favor não deixem o Mau Mau (como dizem alguns seus amigos... muy amigos!), ir mentir para o pessoal da Gleba São Benedito, o Santo negro não vai gostar quando o ver amarelo de medo, e ainda uma última recomendação  ao "professor" sobre seu jogo de corpo e  algumas de suas verdades inverídicas: Mentir é feio, é pecado, vai pro inferno e  dá cadeia!

_________

Nota de última hora, como as coisas decorrem na Prefeitura de forma desorganizada e anárquica, sabe-se apenas que o Prefeito viajou, seu sucessor o vice prefeito tambem  encontra-se em em viagem, o sucessor desse  na Prefeitura que assumiria que é o Presidente da Câmara tambem viajou e o Vice Presidente da Câmara tambem voou do municipio. Vou visto em frente a Prefeitura somente o zeloso vigia Casagrande. -Quem sabe ele não seria o Prefeito ja que até hoje ainda não solucionaram esses problema e Jacareacanga estaria sem um mandatário oficial.

Como a agenda obrigatória, do prefeito parece "inventada ou fabricada" sempre,  não se sabe o local ou paradeiro de Sua Excelencia... Hoje ainda em pleno alvorecer recebí informação que o mesmo estaria indo para as brenhas de Paranaíta e urge adotar uma advertência ao Prefeito, cuidado com o povo da região da Gleba São Benedito eles não são acostumados a conversas fiadas ou mentirosas como o jogo de empura com a barriga que se vê por cá! eles querem ação!... e o pior que o prefeito não pode tomar decisões sem consultar sua base, que uma pessoa da AGRODITO em áudio, identificou como Itaituba. Égua já! até no Mato Grosso sabem disso?