VOCÊ SABIA?

Cruficicado junto de Jesus e conhecido como São Dimas, o homem teve a promessa do próprio Cristo martirizado na cruz: "hoje estarás comigo no paraíso".

 sexta-feira, 15/04/2022, 16:58 - Atualizado em 15/04/2022, 16:58 -  Autor: Com informações da Sagrada Família

 São Dimas, (esquerda) teve o perdão de Jesus no calvário | Reprodução / Facebook

Para os cristãos, a Sexta-Feira Santa é um dia dedicado ao silêncio, penitência e orações e em meio as dores de Cristo. Mas, além do messias filho de Deus e morto na cruz para remissão dos pecados da humanidade, conforme a história e o mito do Cristianismo, uma figura chama atenção nesta data: aquele que ficou conhecido como São Dimas. 

Jesus foi crucificado entre dois ladrões no Gólgota, que quer dizer “Caveira”, em hebraico. Um deles é chamado de “Bom Ladrão”, o pecador que hoje é considerado santo católico e popularmente chamado de São Dimas. Mas quem foi aquele a quem Jesus disse na cruz: “hoje estará comigo no Paraíso?”.

Segundo relatos, Dimas nasceu no ano 18 a.C e praticava roubos na região da Galiléia. Entre os delitos, um crime de roubo no caminho para o Egito. Há quem diga que, sem saber, Dimas impediu que a Sagrada Família pudesse sofrer algum mal.

Anos mais tarde, Dimas foi condenado a morte ao lado de Gestas, o outro ladrão e foram levados a mesma punição que Jesus, a morte na cruz pelos crimes cometidos.

No calvário, Dimas repreende o outro ladrão e, ao mesmo tempo, diz a Jesus: “Lembre-se de mim, Jesus, quando vier como Rei” e, no mesmo instante, Jesus respondeu: “Em verdade, hoje estarás comigo no paraíso”.

Pelo calendário católico, São Dimas é celebrado no dia 25 de março e é considerado padroeiro dos presos e casas penitenciárias, além de ser protetor dos pescadores. Alguns colocam o “bom ladrão” para proteger suas residências de roubos.