Vaqueiro mergulha para salvar ‘cachaça’ e morre afogado no Rio Tapajós

Lucieldo Corrêa - Crédito: Acervo/Pessoal

Lucieldo Corrêa - Crédito: Acervo/Pessoal












Na manhã desta sexta-feira (22), o corpo de Lucieldo Machado Corrêa, 33 anos, foi encontrado, às margens do Rio Tapajós, no Bairro São José, em Itaituba, no oeste do Pará, depois da vítima se afogar ao entrar na água para pegar uma garrafa de cachaça.

De acordo com informações de um primo, conhecido como Paulo Ricardo, Lucieldo Corrêa era acostumado a tomar “umas pinga” com amigos na orla da cidade. O homem teria deixado o pote de cachaça cair na água, mergulhou para buscá-lo, mas não voltou à tona.

A vítima trabalhava como vaqueiro em fazendas da região de Itaituba. O cadáver foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Itaituba para realização de exames periciais.